Notícias News

Elyssa Gomes prepara lançamento de seu segundo CD, “Dimensão da Adoração”

A cantora Elyssa Gomes está preparando um novo CD, que será lançado pela Sony Music, e concedeu entrevista falando sobre o projeto.
Elyssa ficou conhecida através do quadro “Jovens Talentos” do Raul Gil, onde conseguiu destaque nacional.
Agora, preparando-se para lançar seu segundo álbum solo, a cantora escolheu um repertório eclético, com músicas em estilos como pop, adoração e até pentecostais.
O título do disco será “Dimensão da Adoração”, e será lançado em formatos físico e digital, de acordo com a assessoria de imprensa da gravadora.
Confira a entrevista de Elyssa Gomes:
Mesmo com pouca idade, você já tem muita experiência com a música. Conte-nos um pouco de sua história.
Eu tive a oportunidade de nascer em um berço de músicos e pastores, não pude fugir (risos). Mas não queria também porque faz parte de mim, e além disso, me esforço o bastante para atingir a perfeição. Sei que ninguém é perfeito, nem sempre o trabalho vai sair perfeito. Mas busco acertar bastante, isso me torna mais experiente e de certa forma curiosa, porque amo o que eu faço!
O fato de ser filha de um grande intérprete e compositor da música gospel nacional, Elizeu Gomes, acaba ajudando ou traz mais responsabilidade para você?
Os dois. É que para o mundo ele é o “pastor Elizeu Gomes”, e para mim ele é meu pai! Tenho que obedecer ele conforme as circunstâncias. As pessoas olham para ele e vê um grande homem, e ele é, mas eu o vejo como simplesmente meu pai. Ele é muito bem respeitado onde quer que ele vá. Onde eu chego as pessoas conhecem ele, o trabalho dele, e por causa dele me tratam muito bem. Quando eu era menor, eu era a “filhinha do Elizeu Gomes.” Não entendia o grande animo de todos. Hoje eu entendo, mais isso me perturbava bastante na minha adolescência, sendo vigiada por todos, minhas amigas podiam fazer muitas coisas, e eu não. Mais hoje vejo como uma responsabilidade maior que eu tenho que enfrentar. As vezes é difícil ser vigiada por muitos olhos e muito mais hoje. Mais é um sacrifício que fazemos, cada sonho vem com seu lado negativo. Qualquer coisa que eu fizer ou falar eu tenho que prestar bastante atenção não só pela minha carreira e ministério, mais pela a trajetória do ministério que meu pai construiu nesses anos todos. Me sinto privilegiada de ter um pai tão respeitado por muitos, e sempre ao meu lado podendo me ajudar.
Fale um pouco deste seu CD de estreia na Sony Music. Conte-nos sobre as composições, repertório, produção.
A equipe que trabalhou comigo foi preparada pelas mãos de Deus mesmo. Deus foi muito bom conosco, conseguimos fechar o repertório e gravar e fazer instrumental e muita coisa em poucos meses. Todas as composições são do meu pai. Mais tem uma que é a minha, uma experiência que eu tive com Deus, e Ele me deu essa canção que se chama “Ao som do seu coração”. Esse CD eu sinto que esta mais impactante que o último e sinto que vai tocar muitas vidas, pois é meu alvo.
Você morou por muitos anos nos Estados Unidos. Até que ponto esta influência internacional influencia em sua produção musical? E quais são suas referências musicais?
Primeiro, quando eu canto em inglês me sinto melhor (risos). Influencia muito, toda vez que eu sento no estúdio com os músicos eu tento passar as minhas ideias com muitas influências dos EUA, assim consigo fazer o trabalho por completo. As minhas referências são Kirk Franklin, Natalie Grant, muitos Gospel Choirs, Mary Mary, Tye Tribbett, Hillsong United, e Lacrea. São vários tipos de músicas que eu me identifico bastante.
Como está sua expectativa pelo lançamento deste novo trabalho? Quais são os seus objetivos para os próximos meses? 
Bom, me vejo este ano indo muito longe. Eu tenho muitas expectativas para este novo CD, ainda mais por estar numa gravadora nova e ela ser reconhecida por sua excelência. Este CD tem muitas músicas diferentes! Que Deus possa tocar e fazer muita gente voltar para Cristo através deste trabalho.
Por Tiago Chagas

Nenhum comentário